BIOPARK lança Pedra Fundamental do novo campus da UFPR

Em novembro último aconteceu o lançamento da Pedra Fundamental do novo campus da faculdade de medicina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), a ser construída dentro do Parque Científico e Tecnológico de Biociências (BIOPARK). Com a presença do Ministro da Saúde, Ricardo Barros e da vice-governadora do estado do Paraná, Cida Borghetti, os idealizadores do parque, Luiz e Carmen Donaduzzi, apresentaram às autoridades presentes a importância de aproximar o conhecimento científico da indústria. Também estarão presente na cerimônia o reitor da UFPR, Zaki Akel Sobrinho, e o vice-reitor, Rogério Andrade Mulinari.

O BIOPARK que foi lançado em setembro tem um investimento inicial de R$ 500 milhões e ocupará uma área de quatro milhões de metros quadrados. O terreno e o prédio da UFPR serão doados pelo casal Donaduzzi e será o primeiro projeto concretizado no parque, com data prevista de conclusão das obras para o primeiro semestre de 2018.

O BIOPARK será o maior complexo do Paraná e o primeiro voltado para área da Biociências. Contará também com hospitais, incubadoras, indústrias, áreas comerciais e de serviços, startups, espaços residenciais e esportivos. Para área hospitalar, um dos centros a serem instalados no parque é o novo Hospital Bom Jesus, que tem como mantenedor a Associação Beneficente de Saúde do Oeste do Paraná (Hoesp). Para contribuir um pouco mais para a saúde da região, o casal Donaduzzi também doou o terreno onde o hospital será construído e mais 200 leitos que atenderão inclusive pacientes do SUS, totalizando 500 leitos. O projeto será apresentado ao Ministro da Saúde Ricardo Barros durante o evento de lançamento.

O Parque Tecnológico e Científico de Biociências visa promover o desenvolvimento empresarial e tecnológico da região, incentivado a pesquisa e a inovação, proporcionando formação qualificada de profissionais e melhoraria na estrutura da saúde. O complexo irá gerar cerca de 30 mil empregos, aumentar o fluxo de pessoas no município e potencializar a biociência na região.

Foto: Shutterstock


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo