Anvisa aprova nova edição do Formulário Homeopático

A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o Formulário Homeopático da Farmacopeia Brasileira, 2ª edição. A medida foi publicada no Diário Oficial da União no dia 23 de agosto de 2019. A medida entrará em vigor em 180 dias, contados a partir da data da publicação do arquivo digital com os textos técnicos no site da Anvisa.

Dessa forma, a nova edição inclui revisão das monografias existentes e atualizações do texto do Formulário Homeopático da Farmacopeia Brasileira, 1ª edição.

Confira as mudanças do Formulário Homeopático

I – Inclusão das seguintes monografias de uso interno: a. Aconitum napellus 12 CH; b. Argentum nitricum 12 CH; c. Bryonia alba 12 CH; d. Gelsemium sempervirens 30 CH; e. Matricaria chamomilla 12 CH; f. Petroleum 12 CH; g. Pulsatilla 12 CH; h. Staphysagria 30 CH. II – Inclusão do capítulo de uso externo, com 15 monografias.

Assim, o conteúdo foi publicado na página da Farmacopeia no portal da Anvisa, no link: http://portal.anvisa.gov.br/farmacopeia/formulario-homeopatico.


Mitos x Verdades sobre a homeopatia

Homeopatia realmente funciona?

Por mais que existam profissionais que discordem do método homeopático, contudo, é sabido e visto na parte clínica uma infinidade de casos de sucesso. Assim, há pessoas que acreditam que a homeopatia é um placebo que só funciona por causa da fé depositada pelo paciente. Entretanto, casos como os de bebês demonstram que isso não é verdade, já que eles não teriam como “crer” no resultado.

Por que o resultado dos medicamentos homeopáticos é mais demorado?

Em princípio, quanto mais desequilibrada a “energia vital” do paciente em tratamento homeopático, maior a demora.

Homeopatia pode curar doenças?

Sim. Hoje são vistos casos onde profissionais realizam tratamentos homeopáticos até para a cura do câncer, não apenas para amenizar os efeitos da quimioterapia, como também o estado emocional do paciente, que acaba ficando imunodeprimido.

Só as crianças usam?

Muitas pessoas acreditam que o tratamento só dê resultados em crianças, mas certamente isso acontece porque elas têm a energia vital mais equilibrada, menos intoxicada. Em contrapartida, há pessoas que percebem a resposta no mesmo momento que inicia o tratamento.

Fonte: farmacêutico homeopata proprietário e farmacêutico responsável da Anjo da Guarda Farmácia de Manipulação e Homeopatia, Jamar Tejada Dziedzinski

Foto: Shutterstock Fonte: Anvisa e Guia da Farmácia


Parâmetros internacionais dos medicamentos fitoterápicos

#formuláriohomeopático #novaediçãoformuláriohomeopático #anvisa #varejofarmacêuticp #Anvisafarmacopeia

4 visualizações0 comentário